1 # what the fuck?


Dançar, com a chuva a cair sobre o meu corpo. Sim, é isso que eu quero sentir. Aquela sensação de liberdade onde eu tenho domínio sobre os meus actos, mas onde eles fogem do meu controlo. Imagino-te a ti, ali a rir, enquanto me agarras nos teus braços, fazendo-me girar e girar. Épica cena de filme, ya, vou elaborar mais um pouco então. Imagino-te ali, agarrando-me nos teus braços, apertando-me contra o teu corpo quente, enquanto as minhas pernas em volta da tua cintura, te mantém bem colado a mim. Os nossos olhares cruzam-se, a água escorre pelo nosso corpo. As gotículas tornam os teus lábios tão apetecíveis, então a minha língua percorre-os suavemente, como se de uma maçã caramelizada se trata-se, removendo todo o açúcar fugazmente. Acho que já vou querer sentir mais que a sensação de liberdade, quero sentir-te a ti, como sinto cada gota de chuva cair na minha pele. Quero sentir as tuas mãos quentes e suaves percorrerem o meu corpo num movimento contínuo e intenso. O teu cabelo rebelde, entrelaçado nos meus dedos, que simplesmente já não o conseguem largar, porque és um vicio que do qual já não dá para abdicar. Vou ficando um pouco mais desejosa, mas és tu que me deixas assim, completamente sedenta pelo teu corpo. 

I do not care what you think about this .|.

– Not myself tonight ;)

4 comentários:

  1. Wow, está maravilhoso Joana *.*
    E obrigada.

    ResponderEliminar
  2. Acredita que está, a sério *.*

    ResponderEliminar
  3. O__O esta lindo =) Mesmo ... e a música completa muito bem a tua escrita. Deixa a chuva cair e não pares de correr, a meta está neste mundo á espera dos corredores... a corrida há-de ser sempre enebriante como a chuva a cair sobre os corpos.
    +.+ devaneio meu ...

    Beijos, Patrícia Marques

    ResponderEliminar