EPIC

Por mais que eu tente perceber, eu não entendo como consigo cair vezes sem conta na mesma merda de buraco. É como passar num caminho de cabras e haver uma poça de aguá, sempre que la passo, meto a pata na poça, mas por mais vezes que o faça, não encaixo que não pode ser. Deixo-me levar por merdas de sentimentos que não me levam a lado nenhum, e apenas me dão felicidade momentânea e acabo SEMPRE POR ME FODER. 
Isto deve ser destino ou então sou um bocado de merda que aqui anda que não tem direito a ser feliz. Com tanta bosta que ai à, porque não posso ficar com o montinho de merda que escolhi para mim? Christ, acho que mereço, já vai sendo hora. Vá é hora de pensar: 

Image and video hosting by TinyPic

Dado ao facto desta situação ser de uma  miserabilidade extrema decidi matar-me!!

QUERIAM !!!! 
NUNQUINHA .|.

Now, não tem nada  ver! Mas porque é que existem pessoas que quando eu digo não, insistem em fazer o que eu não quero? CARALHO, QUANDO DIGO NÃO É MESMO NÃO. Que merda, cambada de burros, é saturante man. Atinem lá que já não vos aturo!

Há já me esquecia, ainda existe no mundo quem prefira ignorar do que resolver os problemas pendentes, é bonito, MAS NÃO QUANDO EU SOU ESSE PROBLEMA --. 


Image and video hosting by TinyPic

2 comentários:

  1. eu juro que cada post teu que leio, são umas boas gargalhas de dou x)
    A tua maneira de falar é tão descontraida.
    adoro o teu blog !

    ResponderEliminar
  2. gostei do teu blog
    sigo

    ResponderEliminar